São José dos Campos recebe apresentações de dança de projeto da Avape

Na última segunda-feira (5), cerca de 200 pessoas assistiram às apresentações de final de ano de várias unidades da Avape (Associação de Valorização da Pessoa com Deficiência), que este ano foram realizadas em São José dos Campos.

O projeto “Dança na Avape” é um dos programas culturais realizados pela instituição. Em São José, a Avape mantém o Integra, em parceria com a prefeitura da cidade desde 2007.

Com  base na cultura brasileira, os frequentadores da unidade local apresentaram  duas peças: “A procissão dos Carroceiros”, que retratou o bairro de Santana, na região norte da cidade, que neste ano comemorou 141 anos. A segunda peça foi “As pescarias do Norte e Nordeste”, uma viagem pela cultura brasileira que mostrou o dia a dia das pessoas que enfrentam o mar para sustentar a família.

De acordo com a Avape, a oficina “Dança na Avape” atende cerca de mil pessoas com deficiências em diversas unidades, no estado de São Paulo e Rio de Janeiro. O projeto é realizado com recursos da Lei Rouanet, de incentivo à cultura, com mais de 60 apresentações até agora.

Emocional

Ainda conforme a instituição, as peças do projeto têm como objetivo sensibilizar a sociedade para a inclusão social de pessoas com deficiência;

Nota do blog: por experiência própria, posso dizer que a manifestação artística está entre os principais meios de inclusão social, pois nela, estamos em contato direto com outras pessoas e também porque podemos testar nossas possibilidades corporais.

2 comentários sobre “São José dos Campos recebe apresentações de dança de projeto da Avape

  1. QUERO enviar essa mensagem para o ROMISOL do intgrega e tambem para eliana a pesicologa que precisi sair do intrega urgente mais logo eu vou sarar por causa dos caumante eu precisei usar o bosque e jardim oriente e campos dos alemaes,para andar um pouco mais por causa disso eu nao cair mais na rua no ano de 215 eu vou sarar se deus quiserquem sabe eu vou poder voutar no intregae é que eu andava so muito pouco de onibos o meu organimos nao se ascostumava era por isso que eu caia todo tempo depois que andei um pouco mais longe 5 mes eu nao cair mais na rua porque eu gosto de andar de onibus essa mesangem eu quero enviar para a mare ,romiso,e eliana a pesicologa,e o doutor marcelo,porque eu vou sarar logo.

Deixe um comentário