Conquistas do sexto dia do Parapan garantem brasileiros em Londres 2012


Atletas comemorando conquista mergulhando no chão da quadra, como a seleção brasileira de vólei em pé celebra seus títulos

O sexto dia de competições dos Jogos Parapan-Americanos de Guadalajara rendeu mais 37 medalhas e vagas nos Jogos Paraolímpicos de Londres, em 2012, para o Brasil.

O vôlei sentado e os atletas do tênis de mesa já estão confirmados para as competições paraolímpicas, após suas conquistas até ontem.

Tênis de mesa

A modalidade sai de Guadalajara com um desempenho superior ao do Parapan do Rio de Janeiro, em 2007, com 12 ouros, sendo nove em disputas individuais.  Nesta sexta-feira, no Torneio de Equipes, três das cinco que estavam na final conseguiram vencer.

Vôlei sentado

Não era em casa, como em 2007, mas o adversário era o mesmo do vice-campeonato quatro anos antes. O time masculino de vôlei sentado venceu os Estados Unidos por 3 sets a 1, com parciais de 20/25, 25/18, 25/12 e 25/15 e conquistou vaga para o Jogos Paraolímpicos Londres 2012.

Com este resultado, a delegação brasileira precisa apenas de mais duas medalhas de ouro para garantir o  título no quadro geral de medalhas.

Além da conquista no vôlei, ontem o Brasil levou mais 15 ouros, 16 pratas e 5 bronzes.

Recorde mundial

O atletismo encerrou sua participação no Parapan com outras vitórias e recorde mundial. Os brasileiros ficaram com mais seis ouros, sete pratas e dois bronzes, com destaque para os atletas cegos. Daniel Silva estabeleceu novo recorde mundial na prova dos 400m, classe T11, com o tempo de 49s82.

O “Senhor ouro”

Daniel Dias levou a sua nona medalha de ouro neste Parapan-Americano. O nadador chegou a esta marca no sexto dia de competições em Guadalajara, com vitória e recorde nos 100m livre S5 (1m10s14) e nos 50m costas S5 (35s63). Neste sábado, Daniel pode chegar ao 11º ouro, se vencer os 200m livre S5 e o revezamento 4x100m medley até 34 pontos (quando a soma da classe dos atletas não pode ultrapassar 34).

A natação brasileira conquistou dez medalhas nesta sexta-feira – cinco de ouro, quatro de prata e uma de bronze

Estreia dourada

O judô brasileiro estreou com ouro no Parapan, Giovana Pilla venceu duas lutas por Ippon (golpe equivalente ao nocaute no boxe) e conquistou a primeira medalha dourada da modalidade nestes jogos no México. O Brasil ainda ficou com o bronze, Deanne Silva, além das pratas de Antônio Tenório e Willians Silva.

Cobertura

Continuem acompanhando a cobertura do Parapan, aqui no Guia Inclusivo, com informações atualizadas aqui no blog e em nossos perfis nas redes sociais: TwitterFacebook.

Medalha
Posto País Ouro Prata Bronze Total
1 BRA 70 52 47 169
2 MEX 44 54 49 147
3 EUA 44 41 28 113
4 CUB 25 11 11 47
5 ARG 17 21 26 64

Deixe um comentário